MEU PET NA ESCOLA

APRESENTAÇÃO

A OSCIP Sempre a Seu Lado, associação sem fins lucrativos de proteção animal, inspirada por projetos de adoção de animais em instituições de ensino de diversos lugares do mundo, assim como pelo Programa Meu Cão no SESI/SENAI, realizado com sucesso desde 2014 nas unidades do estado de São Paulo, apresenta projeto destinado à Secretaria da Educação do Município de Araras intitulado “Meu pet na escola”.

O projeto propõe a adoção de animais nas escolas municipais, visando desenvolver as habilidades e competências socioemocionais dos estudantes através do contato com os animais adotados, assim como, a diminuição do número de animais errantes em nossa cidade. Propomos também a parceria com a ONG para ações diversas com os estudantes e equipe docente sobre proteção animal, além de treinamentos com a equipe para correto manejo do pet na instituição.

JUSTIFICATIVA

O Brasil possui 3,9 milhões de animais em situação de vulnerabilidade, nos revelando o quanto ainda precisamos avançar em relação aos cuidados com os animais não humanos. Na nossa cidade, guardadas as devidas proporções, a situação não é diferente. Diariamente, a ONG, os protetores independentes e o canil municipal, recebem inúmeros pedidos de auxílio para resgates de animais atropelados, ninhadas não desejadas, animais deixados em suas casas enquanto a família se muda, dentre tantas outras situações. Infelizmente, o Brasil não tem leis efetivas para defender os animais, principalmente em casos de maus-tratos e abandono, assim como, no nosso município, os responsáveis saem ilesos de suas ações.

Durante nossos sete anos de atuação, realizamos ações das mais diversas naturezas na proteção animal: conscientizações, cobranças ao poder público, castrações, doações, resgates etc. Porém, sempre compreendemos que o trabalho deveria ser realizado na base, ou seja, na educação. Somente assim poderíamos vislumbrar um futuro com menos abandonos e maus tratos na nossa cidade.

A ação do SESI/SENAI-SP pode ser vivenciada de muito perto por nós, quando, em maio de 2021 a escola SESI de Araras adotou dois cães, com o apoio da nossa associação. Na data da redação deste projeto, totalizamos 8 meses dessa experiência que tem sido extremamente benéfica para os estudantes e funcionários da escola e do Centro de Atividades. Há diversos estudos que comprovam os benefícios da convivência com animais e pudemos constatar alguns deles neste período, como o engajamento dos estudantes e funcionários para o cuidado dos pets, a capacidade de acalmar as crianças e adolescentes e apaziguar momentos de conflito, a alegria despertada, além da lição sobre empatia que é vivenciada dia a dia neste convívio.

Na atualidade, cada vez mais a sociedade vem reconhecendo tais benefícios, diversas empresas adotam pets e divulgam os resultados positivos dessas inciativas. A nosso favor, podemos também mencionar o Projeto de Lei 345/2019, aprovada em 2021 que dispõe sobre a inclusão dos conteúdos de Direito dos animais e Proteção animal no programa curricular das escolas públicas estaduais.

Acreditamos que, através da inserção deste projeto que propiciará a convivência diária com animais resgatados, contribuiremos para uma sociedade mais solidária, empática e responsável tanto no que diz respeito ao direito dos animais, como nas relações interpessoais dos estudantes para que, no futuro, também estabeleçam relações de respeito, confiança e responsabilidade.

OBJETIVOS

• Oportunizar aos estudantes da escola, a convivência com os animais, através da adoção de animais abandonados e em situação de vulnerabilidade, contribuindo para a formação de um cidadão mais sensível, sociável e solidário.

• Desenvolver nos estudantes, atitudes de respeito ao próximo, de solidariedade, sociabilidade e empatia a todas as formas de vida.

• Disseminar conceitos e práticas da causa animal, dando o exemplo da adoção, posse responsável e de ações de responsabilidade social.

• Contribuir para a diminuição da população de animais abandonados.

• Contribuir para a quebra de paradigmas e conceitos quanto a compra de filhotes de raça.

PÚBLICO

Estudantes, funcionários e comunidade das escolas do município de Araras

METAS DO PROJETO

A meta inicial do projeto é adoção de animais em todas as escolas do município.

ESTRATÉGIAS DE AÇÃO

Inicialmente, será necessária a divulgação, por parte da secretaria da educação em parceria com a ONG, de forma que a rede escolar conheça a proposta. As escolas interessadas deverão entrar em contato com a ONG Sempre a Seu Lado para receber as informações e orientações iniciais, assim como para escolha do (s) pet(s)mais adequado a cada instituição. Independentemente de onde os animais forem adotados, a ONG se responsabiliza pelas orientações sobre o manejo do pet na instituição, assim como para ações educativas visando o desenvolvimento de práticas de proteção animal e posse responsável. Os custos iniciais para a adoção, serão de responsabilidade da ONG. No caso de animais adultos, já castrados e com as vacinas atualizadas, a escola deverá arcar com os cuidados relativos à posse responsável (alimentação, vacinas anuais, banhos e tosas, visitas ao veterinário e, se necessário, adequação do local para que o animal esteja protegido das intempéries do tempo e de possíveis fugas, principalmente no início da adoção, momento em que ainda não está habituado com o local --ver sugestões no ANEXO I. A identificação do animal com coleira contendo o nome e telefone de responsável, é obrigatória. Sugerimos ampla divulgação à comunidade escolar e comunicação aos pais dos estudantes sobre o projeto, solicitando manifestação caso haja alguma restrição da criança/adolescente ao contato com os cães. É de responsabilidade da escola designar funcionários que se responsabilizem pelos cuidados com o pet e, em parceria com a ONG, implementar ações para sensibilizar os alunos, funcionários e comunidade para o cuidado, carinho e respeito aos animais, não permitindo qualquer ato de maus tratos e crueldade aos para com eles.

A Associação Sempre a seu Lado se responsabiliza pelo monitoramento do treinamento do funcionário responsável (cuidador e adestrador) conforme cartilha de orientações (anexo 2).

CUSTOS

CONTATOS

queroadotar@sempreaseulado.org.br

whatsapp 19 99331-7173

BIBLIOGRAFIA

Projeto Meu Cão no SESI/SENAI - Serviço Social da Indústria de São Paulo

http://institutopetbrasil.com/imprensa/pais-tem-39-milhoes-de-animais-em-condicao-devulnerabilidade/

https://delegadobrunolima.com.br/lei-del-bruno-lima-inclusao-da-causa-animal-na-gradecurricular-escolas-estaduais-publicas/#1602872738888-daf083e6-7305

https://www.facebook.com/watch/?v=4064406630340767

https://www.sesisp.org.br/noticia/sesi-e-senai-sp-ja-adotaram-149-caes

https://www.sesisp.org.br/noticia/como-parte-da-equipe-caes-tem-cracha-sesi-sp

https://exame.com/brasil/brasil-podera-ter-marco-regulatorio-dos-animais-de-estimacao/

ANEXO I

COMO ABRIGAR O ANIMAL ADOTADO Sugerimos a construção de um cercado, contra piso de cimento e cobertura com telha ou alvenaria. Deverá haver uma caminha adequada ao tamanho do pet. Se for necessário a compra de casinha, sugerimos a de número 5, confeccionada com sistema de ventilação e em plástico resistente. Caso a escola possua um local que possa ser adequado e atenda as necessidades do(s) animal(is) não há necessidade de construções. A Ong Sempre a Seu Lado se responsabiliza pela análise do local e pelas orientações que se fizerem necessárias para o bem estar animal e segurança dos estudantes e funcionários. Abaixo, alguns exemplos já realizados nas escolas SESI do estado de São Paulo.

ANEXO 2

Cartilha de orientações

1- Limpeza do canil e/ou gatil diariamente

2- Alimentação adequada, ração de boa qualidade e em dosagem adequada

3- Manter o uso de coleira adequada com identificação 24 horas

4- Manual de adestramento inteligente; aula pratica e teórica

Dicas rápidas.

1- Quantidade certa de alimentação, para os animais não terem sobrepeso

2- Não entrar com as crianças no canil